MENU

31/07/2021 às 21h44min - Atualizada em 31/07/2021 às 21h44min

Nino elogia consistência defensiva do Brasil, mas vai enfrentar melhor ataque

Equipe comandada por André Jardine sofreu apenas três gols em quatro partidas disputadas e tem a segunda melhor defesa dentre os semifinalistas

Parceria Lance & IstoÉ
https://istoe.com.br/
Nino teve boa atuação na partida contra o Egito (Charly TRIBALLEAU / AFP)
Nino, zagueiro do Fluminense e da Seleção Brasileira nos Jogos Olímpicos de Tóquio, elogiou a consistência defensiva da equipe após a vitória contra o Egito por 1 a 0. Na competição, a equipe de André Jardine sofreu apenas três gols em quatro partidas e tem a segunda melhor defesa dentre os semifinalistas. O maior desafio virá agora, contra o México, na semifinal.
“A gente vê o time melhorando jogo após jogo. A solidez defensiva não se resume a quatro jogadores, é um trabalho do grupo inteiro. Temos jogadores muito talentosos, mas que vemos o esforço durante os noventa minutos”, comentou Nino.
O defensor também acredita que o time está no caminho certo em busca da conquista de mais um ouro olímpico.

“Todos estão concentrados e com vontade de conquistar o ouro. Com esse objetivos, todos têm se esforçado para melhorar. E ficamos felizes que os resultados têm se mostrado dentro de campo. Espero que a gente consiga honrar o país e essa camisa tão pesada que vestimos”, declarou o zagueiro tricolor.

O adversário da semifinal é o México, que já venceu o Brasil na final da Olimpíada de Londres, em 2012. A equipe da América Central também vai impor um grande desafio para a zaga brasileira, uma vez que o time de Jaime Lozano tem o melhor ataque do torneio com 14 gols marcados.


 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »