MENU

15/02/2022 às 09h47min - Atualizada em 15/02/2022 às 09h47min

Prefeito JHC comemora autorização da ANAC para operações de aeronaves de grande porte no Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares

Em outubro do ano passado, o prefeito se reuniu com a Aena para tratar da reestruturação do aeroporto e construção de um novo Plano Diretor

Niviane Rodrigues e Stephane Ferreira / Secom Maceió
https://maceio.al.gov.br/
Prefeito JHC reunido no ano passado para apresentar as demandas necessárias e ampliar a estruturação do Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares. Foto: Secom Maceió / Arquivo

O prefeito de Maceió, JHC comemorou a autorização pela ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) de operações de aeronaves de grande porte, como pousos e decolagens, no Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares. A Portaria neste sentido foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira (14).

“Essa medida ampliará o fluxo de passageiros, gerando emprego e renda. No ano passado, quase dois milhões de pessoas passaram pelo aeroporto de Maceió. Agora, a capital pode receber até o Boeing 777, o maior bimotor do mundo. Também dialogamos com a Aena sobre a ampliação da estrutura, dobrando os pontos de embarque e sobre o novo Plano Diretor do Aeroporto”, declarou o prefeito de Maceió, que também fez uma publicação sobre o assunto em suas redes sociais.

Em outubro do ano passado, o prefeito JHC se reuniu com a Aena Brasil, responsável pela administração de aeroportos no Nordeste, entre eles o de Maceió, para tratar da situação. Durante o encontro com o diretor de filiais internacionais da Aena, Rodrigo Marabini, JHC debateu sobre melhorias e novos investimentos destinados ao Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares.

Na ocasião, foi apresentado ao prefeito o projeto de expansão do aeroporto, cujo início das obras está previsto para 2022. A ampliação da estrutura leva em consideração a alta temporada turística e visa garantir modernização e geração de emprego e renda na capital alagoana.

JHC também cobrou da concessionária Aena o certificado para aterrissar aviões de grande porte, a exemplo do Boeing 777. O aeroporto de Maceió não tem o credenciamento e somente com este certificado, a capital alagoana passa a ser um novo atrativo para as grandes companhias aéreas.

De acordo com a Aena/Brasil, o Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares registrou um aumento de 66,25% no fluxo de passageiros durante o ano de 2021, quando comparado a 2020. No total, mais de 1,9 milhão de pessoas passaram pelo Aeroporto em 2021.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »