MENU

04/02/2022 às 18h52min - Atualizada em 04/02/2022 às 18h52min

Em gesto ao PSB, Humberto Costa retira candidatura ao governo de Pernambuco: por aliança nacional contra o fascismo

Garantia na disputa pelo governo de Pernambuco era uma das condições do PSB para se aliar ao PT

https://www.brasil247.com/
Reprodução
O senador Humberto Costa (PT-PE) anunciou, via Twitter, nesta sexta-feira (4), a retirada da sua candidatura ao governo de Pernambuco, em decisão que abre espaço para a formação de uma "aliança nacional contra esse fascismo encarnado por (Jair) Bolsonaro", escreveu o parlamentar.
 

O anúncio oficial foi feito após conversa do senador com o ex-presidente Lula e a presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann (PT-PR).  E um dia depois de um encontro entre Lula e Paulo Câmara, na qual o governador de Pernambuco apresentou o nome do deputado federal Danilo Cabral como candidato do PSB no estado.

"Estive hoje numa conversa muito positiva com Lula e a companheira Gleisi, presidenta do PT. Por uma construção coletiva, por uma aliança nacional contra esse fascismo encarnado por Bolsonaro, retiramos a nossa candidatura em Pernambuco num gesto político ao PSB", postou Humberto no Twitter

"Uma candidatura extremamente competitiva, em 1⁰ lugar disparado nas pesquisas, com 38% das intenções de voto. Fizemos isso porque queremos pavimentar, acima de quaisquer interesses pessoais, um caminho de união em favor da esperança e de um novo Brasil", continuou.

"Neste desafio, Pernambuco é estratégico e tem um peso importantíssimo. O PT do nosso estado está dando uma contribuição fundamental à conquista desta vitória!", concluiu o senador.

A garantia em disputar o governo de Pernambuco pelo partido era uma das condições do PSB para se aliar ao PT. Os socialistas também querem garantias para a disputa do governo de São Paulo, para lançar o ex-governador Márcio França. Contudo, o PT e o ex-presidente Lula não abrem mão da candidatura do ex-prefeito e ex-ministro Fernando Haddad (PT), que lidera as pesquisas no estado. 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »