MENU

27/08/2021 às 19h47min - Atualizada em 27/08/2021 às 19h47min

Industrias de Arapiraca são autuadas por furto de energia; consumo desviado daria para atender mais de 250 casas

Redação*
https://www.cadaminuto.com.br/
Responsáveis pelos estabelecimentos comerciais foram levados para a delegacia / Foto: PM/AL
A Secretaria de Segurança Pública, por meio da Policia Militar e da Policia Civil, em apoio a Equatorial Energia Alagoas, realizou nesta quinta-feira (25), em Arapiraca, a operação “Reciclagem”, onde foram identificadas práticas do furto de energia caracterizado pelo o uso de procedimento irregular (manipulação de lacres e do medidor de energia) de duas unidades de alta tensão que trabalham com reciclagem de plásticos e fabricação de sacolas plásticas no Povoado Taquara e no bairro Batingas.
 

Nas duas unidades existem um transformador de 150 kVA cada, para atender as indústrias. As mesmas estavam deixando de registrar o correto consumo. O consumo desviado (não registrado) poderia atender a mais de 250 residências durante um mês inteiro. Os responsáveis pelas industrias foram conduzidos para delegacia para os procedimentos legais.

Furto de energia é crime conforme o parágrafo 3º do Artigo 155 do Código Penal. Caso seja comprovado o furto, o autor do crime pode responder por um furto simples, cuja pena é de um a quatro anos de reclusão e multa. Já se for enquadrado como qualificado a pena pode ser agravada.

O furto de energia acarreta riscos de acidentes graves à população, piora na qualidade do serviço e também onera o consumidor final, já que esse desvio é repassado à tarifa de energia. Além disso traz prejuízos aos cofres públicos já que na parcela da energia furtada não incidem os tributos devidos.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »