MENU

28/07/2021 às 21h06min - Atualizada em 28/07/2021 às 21h06min

Com média móvel de casos em alta, país tem 46.162 novas contaminações por Covid

Brasil tem 553.179 mortes e 19.797.086 de infectados pelo novo coronavírus

Anna Gabriela Costa
https://www.cnnbrasil.com.br/
Por: Reprodução

O Brasil registrou nesta quarta-feira (28) o total de 1.344 mortes e 48.013 novos casos de Covid-19, segundo dados do  Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) referentes às últimas 24 horas. 

Com a atualização dos dados da pandemia, o Brasil passa a ter 553.179 mortes e 19.797.086 de infectados pelo novo coronavírus. A média móvel de mortes vem apresentando queda desde o mês de junho, entretanto, a média móvel de contaminações demonstra crescimentos nos últimos dias. 

Nesta quarta-feira a média móvel de contaminações ficou em 46.162 e de óbitos está em 1.082. A média é referente ao índice de casos e mortes por Covid-19 nos últimos sete dias. 

Um médico observa enquanto uma enfermeira verifica o fluxo de oxigênio de uma mu

Um médico observa enquanto uma enfermeira verifica o fluxo de oxigênio de uma mu


Um médico observa enquanto uma enfermeira verifica o fluxo de oxigênio de uma mulher infectada por coronavírus no Hospital Municipal de Campo Gilberto Novaes em Manaus Foto: Andre Coelho/Getty Images

Vacina inalável contra a Covid-19 mostra bons resultados

Uma versão da vacina contra a Covid-19 que pode ser inalada, produzida pela CanSino BioLogics, desencadeou respostas imunológicas sem efeitos colaterais graves, mostrou um ensaio clínico em estágio inicial.

O candidato de duas doses requer dosagens mais baixas do que a versão injetada e pode ajudar a CanSino a aumentar sua capacidade de produção, disse o presidente-executivo da empresa em abril. 

Duas doses inaladas da vacina Ad5-nCoV, administradas com 28 dias de intervalo, produziram níveis semelhantes de anticorpos neutralizantes aos de uma única injeção, de acordo com um artigo revisado por especialistas.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »