MENU

07/07/2021 às 20h41min - Atualizada em 07/07/2021 às 20h41min

PF é acionada após presidente do TJ e filho serem alvos de acusações falsas nas redes sociais

Por: Redação *Com Ascom TJ - AL
https://www.cadaminuto.com.br/
Ascom TJ-AL

O presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ-AL), desembargador Klever Rego Loureiro acionou o Serviço de Inteligência do Poder Judiciário, que solicitou à Polícia Federal a apuração da origem de acusações inverídicas proferidas contra o magistrado e um dos seus filhos, no dia 18 de junho deste ano, no Instagram. 

Em nota divulgada pela assessoria de Imprensa do TJ-AL na tarde desta quarta-feira (7), a presidência do TJ explicou que uma pessoa identificada como “Eva Maria Santos” acusou o desembargador, por meio da rede social, de estar patrocinando interesses de “Miguel Rocha Neto”, credor de precatórios.

 
 
 
 

As apurações internas constataram que não há qualquer precatório inscrito tendo como credor o suposto Miguel Rocha Neto e autoridades policiais foram acionadas para coibir esse tipo de prática, caracterizada como crime, e para apurar a motivação da acusação inverídica. 

“Da acusação feita por Eva Maria Santos não consta qualquer tipo de ameaça à integridade física do Presidente do Tribunal de Justiça e nem de seus familiares; A Presidência do Tribunal de Justiça de Alagoas aguarda as conclusões das apurações”, conclui a nota. 


 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »