MENU

11/06/2022 às 19h46min - Atualizada em 11/06/2022 às 19h46min

Segundo caso da varíola dos macacos é confirmado no Brasil

Paciente tem histórico de viagem para Portugal e Espanha e está em isolamento no interior de São Paulo

Carolina FigueiredoIngrid Oliveirada CNN
https://www.cnnbrasil.com.br/
Tubos de ensaio com rótulos sobre vírus da varíola dos macacos Dado Ruvic/Reuters

O segundo caso de varíola dos macacos foi confirmado no Brasil em São Paulo. Trata-se de um homem de 29 anos que está isolado em sua casa em Vinhedo, interior do estado. A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado de Saúde.

Segundo a nota, o caso é considerado importado, já que o paciente tem histórico de viagem para Portugal e Espanha e teve os sintomas e as primeiras erupções na pele ainda na Europa.

O homem havia desembarcado no Brasil em 8 de junho, mas a confirmação foi feita neste sábado (11). A Vigilância Epidemiológica do município, em parceria com o Estado, informa que está monitorando o caso e seus respectivos contatos.

O Ministério da Saúde foi notificado sobre o caso na noite de sexta-feira (10). A pasta ressalta que, por meio da Sala de Situação e Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS), também está em contato direto com o estado para monitoramento do caso e rastreamento dos contatos do paciente.

Segundo com o Ministério, as medidas de controle foram adotadas de maneira imediata com o apoio da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e três pessoas que tiveram contato com o paciente estão sendo orientadas e monitoradas.

Mais cedo, o secretário estadual de Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, disse em entrevista à CNN que a maioria dos casos da doença se desenvolve em quadros leves.

“Na maioria dos casos, a doença tende a ser muito leve. Tanto é que temos 29 países com diagnóstico da varíola dos macacos, e das quase 900 pessoas, todas elas estão bem clinicamente”, disse.

O primeiro caso da Monkeypox foi confirmado na quinta-feira (9) na capital paulista. O paciente é um homem de  41 anos que está internado no Instituto de Infectologia Emílio Ribas com boa evolução do quadro clínico.

Além das duas confirmações, o Centro de Vigilância Epidemiológico (CVE) estadual e a prefeitura de São Paulo também investigam desde a semana passada um outro paciente, uma mulher de 26 anos, também moradora da Capital.

Casos em investigação no Brasil

Além das duas confirmações no estado de São Paulo, o Brasil tem ainda 10 casos suspeitos da doença, de acordo com um levantamento da Agência CNN.

Nos estados, Santa Catarina tem duas suspeitas e Roraima também tem duas investigações em andamento. Maranhão, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul Ceará, São Paulo e o Rio de Janeiro investigam um caso cada um.

A varíola dos macacos é uma doença infectocontagiosa encontrada principalmente na África Ocidental e Central. A transmissão da patologia ocorre por meio de contato direto com uma pessoa infectada que apresente lesões na pele, ou por gotículas de saliva.

Os sintomas iniciais são semelhantes aos da gripe, como febre, calafrios, exaustão, dor de cabeça e fraqueza
#CNNBrasil São Paulo confirma segundo caso de varíola dos macacos | CNN SÁBADO


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »