MENU

15/02/2022 às 19h56min - Atualizada em 15/02/2022 às 19h56min

EDUCAÇÃO PATRIMONIAL SERÁ TEMA DO 41º CHÁ DE MEMÓRIA NESTA TERÇA (22)

Professores e educadores são o público-alvo para esse evento que vai mostrar como promover atividades educativas de valorização patrimonial dentro da sala de aula

Renata Bertolino
https://alagoas.al.gov.br/
Ascom/Arquivo Público

Educação Patrimonial é o tema da 41ª edição do Chá de Memória que acontecerá na terça-feira (22), na sede do Arquivo Público de Alagoas (APA), no bairro Jaraguá, em Maceió. Desde 2016, o Arquivo Público de Alagoas, órgão vinculado ao Gabinete Civil do Estado, desenvolve ações de reconhecimento e valorização das referências culturais regionais, que visam envolver a comunidade em ações de aprendizado sobre o conhecimento popular.

Dentro desta proposta estão os projetos ligados à educação patrimonial como o Memória de Gerações, Suquinho de Memória, Alagoanidade e o próprio Chá de Memória, que nesta edição vai destacar a aplicação de práticas de educação patrimonial dentro da sala de aula. As convidadas para apresentar o tema são as professoras e arquitetas Adriana Capretz, criadora e coordenadora do Tatipirun Atelier de Educação Patrimonial Relu Ufal, e Adriana Guimarães, restauradora e membro do Tatipirun Atelier de Educação Patrimonial Relu Ufal.

Segundo a superintendente do APA, Wilma Nóbrega, o tema Educação Patrimonial é muito oportuno, considerando o início do ano letivo e os preparativos dos planejamentos de aula para muitas escolas.

“Será uma grande oportunidade para professores e educadores conhecerem de perto o trabalho que a equipe do Tatipirun desenvolve e aprender como usar o material educativo com seus alunos. Ela vai explicar como aplicar as diversas atividades disponíveis de acordo com cada faixa etária e apresentar os personagens que protagonizam a Turma do Guerreirinho ”, disse Wilma Nóbrega, antecipando que durante o evento será lançado oficialmente o Calendário Cultural Permanente, produzido pelo Tatipirun Atelier de Educação Patrimonial Relu Ufal.

 O evento também contará com a participação especial da professora Ana Dayse Dórea, presidente da Academia Alagoana de Educação, que vai apresentar como a instituição vai atuar para fortalecer a Educação em Alagoas.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »