MENU

13/11/2021 às 17h06min - Atualizada em 13/11/2021 às 17h06min

Transporte de alunos até a escola é seguro e acompanhado por monitores da Educação

Iniciativa da Prefeitura de Maceió em estar próxima das comunidades contribui para o combate à evasão escolar e beneficia pais de alunos

Nathan Araujo (estagiário) – Ascom/Semed
http://www.maceio.al.gov.br/
Secretário Elder Maia, a iniciativa representa zelo da Educação com as famílias e alunos. Fotos: Nathan Araújo e Pedro Caldas / Ascom Semed.

O monitor de transporte escolar é o profissional responsável por garantir a integridade dos alunos durante a locomoção para as unidades de ensino. Tendo como prioridade a segurança das crianças da rede municipal de ensino, a Secretaria Municipal de Educação (Semed), tem feito esforços para facilitar o transporte seguro, e, atualmente dispõe de 111 monitores nos transportes escolares. São 111 veículos que atendem a aproximadamente 12.000 crianças de 70 escolas da rede, e, dentro de cada transporte, um monitor está presente.

Para o secretário Municipal de Educação, Elder Maia, o zelo que a gestão municipal tem com seus alunos é essencial para manter a segurança das crianças, contribuindo assim com o retorno progressivo das aulas presenciais.

“A presença dos monitores transmite uma confiança muito grande para pais, familiares e profissionais da rede municipal de ensino e ajuda bastante com a condução no conforto e bem-estar nas crianças dentro do veículo. Nosso objetivo é assegurar segurança, bem-estar e conforto nesse deslocamento que o veículo realiza da maneira mais satisfatória e segura possível. É uma ação muito positiva, tendo em vista esta necessidade de os estudantes terem cada vez mais contato presencial”, avalia o secretário.

Ivonise Santos confia seu neto à monitora para que ele chegue à escola. Secretário Elder Maia, a iniciativa representa zelo da Educação com as famílias e alunos. Fotos: Nathan Araújo e Pedro Caldas / Ascom Semed.

Uma das unidades contempladas com o monitor é o Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Elza Lira, no Benedito Bentes. Lá, o transporte atende a 34 crianças, que estão sempre muito bem protegidas e amparadas com atenção dada por Jade Correia, que faz este acompanhamento dos alunos em todo o trajeto até chegar à creche.

“A creche faz um levantamento e possui uma lista de pais que têm a necessidade de auxílio do transporte para levar suas crianças até a unidade de ensino. Com posse dessas informações em mãos, conseguimos elaborar um roteiro para o melhor trajeto e os pontos onde podemos deixar as crianças. Buscamos entregar os alunos o mais próximo possível de casa, e isso ajuda os pais e as próprias crianças para elas não precisem faltar as aulas”, ressalta a monitora.

Jade Correia destaca que um dos pontos positivos para que as famílias tenham confiança no transporte de seus filhos até a escola é o contato mais próximo da escola com a comunidade. “Estamos sempre alinhados com a comunidade escolar para que os pais possam ter confiança, pois sabemos que não é fácil deixar as crianças com uma pessoa que não conhecemos”.

Alunos nas salas de aula – Diretora do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Elza Lira, Maria de Fátima dos Santos, não esconde a satisfação em ver que a relação com os monitores e o meio de transporte vem sendo um meio de contornar problemas como a evasão escolar. Fátima reforça que a iniciativa aumentou a frequência das crianças na creche.

“Os monitores escolares são muito importantes, principalmente, porque em nossa creche tem muitas crianças pequenas em uma faixa etária de 0 a 5 anos. Dessa forma, devido à natureza mais frágil desses alunos, é necessário ter alguém para assegurar sua integridade. As crianças que moram distante faltavam bastante à escola em decorrência da dificuldade em se locomover. Ficava muito difícil para os pais saírem de casa e deixarem seus filhos na escola. Financeiramente, era muito pesado. Com o transporte para os alunos esta realidade está sendo modificada. É uma vitória contra a evasão escolar”, argumenta a diretora da unidade.

Creches têm seguido os protocolos de proteção, aferido a temperatura dos alunos e conferido o uso de máscaras. Fotos: Nathan Araújo / Ascom Semed

Ivonise Santos é avó do aluno Pietro Silva, de 6 anos, que está na idade de acompanhamento escolar. Diariamente, dona Ivonise confia seu neto ao transporte escolar graças à segurança dos veículos, aliados à atenção dos monitores.

“O transporte escolar e o acompanhamento estão sendo uma ótima contribuição do Município conosco, os familiares. Quando confio entregar meu neto para que ele chegue à escola de forma segura, percebo o quanto este benefício tem nos ajudado todos os dias. Fazer o caminho até a creche era muito complicado. Só de locomoção eu gastava meia hora, pois os ônibus eram cheios, além do horário que dificultava. Uma iniciativa como esta facilita bastante a nossa vida”, comemora a avó.

Diretora do CMEI Elza Lira, Maria de Fátima comemora o trabalho dos monitores junto aos alunos e ressalta que a evasão escolar está sendo combatida. Fotos: Nathan Araújo / Ascom Semed

Amarelinhos à disposição – Segundo o setor de Transporte Escolar da Secretaria Municipal de Educação, 29 ônibus especiais, os chamados “amarelinhos”, estão equipados com espaços e lugares para os alunos portadores de necessidades especiais. Promover a acessibilidade é prioridade, reforça o coordenador de transporte escolar da Semed, Luís Costa.

“Hoje, nós temos 29 ônibus equipados com elevadores para crianças especiais. Todos os nossos ônibus estão com monitores, e conseguimos dar assistência aos pais que possuem crianças portadoras de necessidades especiais. Além disso, as monitoras estão sempre presentes para assessorar as crianças”, completa o coordenador.

A frequência dos alunos no transporte também é monitorada e levada em consideração. “Além de manter o controle de alunos que estão utilizando o transporte com uma chamada que é realizada dentro do ônibus, o monitor é muito importante, pois se atenta inteiramente a segurança. É papel do monitor sempre colocar todas as crianças sentadas com o cinto de segurança, sempre observando as regras sanitárias, a exemplo do distanciamento, aferição de temperatura, uso de máscaras e demais cuidados necessários”, reforça Luís Costa.

Com organização e cuidados com os alunos, a Secretaria Municipal de Educação já projeta, a partir de dezembro, ampliar o atendimento às crianças. Se atualmente os 111 ônibus escolares beneficiam 12 mil alunos, no último mês do ano, a meta é beneficiar 14 mil crianças.

 

Nathan Araujo (estagiário) – Ascom/Semed

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual melhor candidato?

58.2%
25.4%
16.4%