MENU

07/07/2021 às 20h19min - Atualizada em 07/07/2021 às 20h19min

Covid-19: Alô Vacina já foi acionado por quase 8 mil alagoanos

ACESSO A INFORMAÇÕES

João Victor Barroso
http://www.agenciaalagoas.al.gov.br/
Carla Cleto
O avanço constante do público-alvo da Campanha de Vacinação contra a Covid-19 e a inclusão de outros tipos de vacinas disponíveis, a exemplo da Jassen, acaba por gerar as mais diversas dúvidas na população. Para esclarecer todos os questionamentos, o Alô Vacina foi criado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) em fevereiro deste ano e, até às 15 horas desta quarta-feira (7), já foi acionado por 7.941 alagoanos.

A população pode acionar os serviços do Alô Vacina, de forma gratuita, de segunda a sexta-feira, de 0h às 19h, pelo número 0800-082-0019. As enfermeiras do Programa Nacional de Imunização em Alagoas (PNI/AL) são as profissionais responsáveis em atender os chamados e sanar os questionamentos sobre o público que poder ser vacinado, o tipo de vacina que está sendo aplicado, a eficácia de cada vacina e as contraindicações de cada imunizante.

Essas são as principais dúvidas que chegam até o serviço, segundo pontua Cindy Barros, enfermeira do Alô Vacina. “Esse serviço é um canal direto com a população e tiramos as dúvidas desde as diferenças entre as vacinas, ampliação da vacinação, o intervalo entre as doses, quais os documentos necessários. Temos nos empenhado ao máximo para ajudar a população nesse momento tão difícil, de tanto medo e incertezas, mas, sempre estamos encorajando as pessoas para que se imunizem o mais rápido possível, assim que a idade delas for contemplada”, disse a enfermeira.

Para Diego Hora, gerente de Vigilância e Controle de Doenças Transmissíveis da Sesau, esse canal de comunicação veio para trazer mais transparência a todo o processo de vacinação e levar informação clara à população. “O Alô Vacina tem se mostrado um excelente instrumento da gestão, sanando dúvidas de forma clara e objetiva. As informações são precisas e comunicadas de forma rápida e efetiva por uma fonte segura, o que acaba combatendo as Fake News, que insistem em desinformar as pessoas com informações erradas sobre a vacinação e sobre a Covid-19”, informou o gerente.

O Alô Vacina também possui um atendimento destinado a comunidade surda, garantindo inclusão para que esse público também possa se informar sobre a vacinação contra a Covid-19. A comunidade pode entrar em contato com a intérprete da Língua Brasileira de Sinais (Libras) do Alô Vacina, enviando um vídeo pelo aplicativo de mensagens WhatApp, no número (82) 98705-7847.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »